Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Peste negra: Saiba porque a Polônia e Milão foram os únicos que não sofreram com a doença.


Cracow é Cracóvia em inglês, uma cidade da Polônia. Esse Gif mostra onde os casos de peste negra estavam em alta (em laranja). Note que Milão, na Itália, e Cracóvia não sofreram com a doença. Os judeus, como sempre, foram culpados na época por espalhar a doença. A Polônia foi o único lugar que aceitou os judeus, que mudaram pra lá.

A maior causa da peste negra foi a má higiene das pessoas. Todos tinham o hábito de jogar dejetos (merda) na rua, pois não existiam esgotos, e a religião católica, na época, proibia o banho. Já os Judeus tinham o hábito do banho, e trouxeram esse hábito com eles pra Polônia, que se salvou da praga por conta disso. Agora, você se pergunta, e Milão? Eles lidaram com a doença com métodos um tanto crueis. Assim que os primeiros sintomas apareciam em uma família, eles queimavam a casa dessa família, com todos os membros dentro dela.

Mais um fator: O sangue do tipo O era muito comum na Polônia. A peste negra era causada por uma bactéria que se parecia muito com uma substância criada nos sangues tipo A e B, e portanto, o sistema imunológico de quem tinha esses tipos de sangue era totalmente vulnerável pra ela. Já as pessoas de sangue tipo O podiam se considerar com sorte, pois o sistema imunológico dessas pessoas era eficaz contra a bactéria. 

Comente com o Facebook: