quarta-feira, 18 de setembro de 2013

21

Os monstros da minha casa - Desenhos de crianças retratando o abuso que sofreram

Esses são os desenhos da exibição bizarra e comovente "os monstros da minha casa" que aconteceu em Outubro de 2010, na Espanha. Várias crianças que sofreram abusos sexuais fizeram esses desenhos acompanhados por especialistas, que interpretaram as imagens.

Andreu, 8 anos


Foi abusado pelo padrasto desde os 4 anos. No desenho ele representa ele mesmo em pânico, e dá atenção especial ao zíper da sua calça e os botões de sua camisa, que pra ele representam um símbolo de quando os atos sexuais iriam começar.


Fernando, 13 anos.

Ele foi abusado pelo seu pai desde cedo, e agora mora com a mãe, que conseguiu fazer ele se recuperar bem. Ele desenhou o pai como um demônio em um bar, bebendo cerveja e jogando em caça-níqueis. Os riscos saindo do demônio representam o cheiro de álcool. Fernando sente raiva quando mencionam o pai perto dele.

Elena, 6 anos.


Elena sofreu abusos sexuais do seu pai. Agora ela vive com a vó. No desenho, ela coloca sua avó e sua mãe bem grandes. Ela se sente protegida perto das duas. Ela também representa o seu pai transando com ela, bem pequeno, em cima das letras.

Miriam, 9 anos

Sofreu abuso psicológico. Sua mãe chegou na Espanha com 15 anos de idade e grávida dela. Ela era uma minoria racial por lá, e ela sofreu abusos dos colegas de classe por conta de sua etnia. Ela é a menor pessoa do desenho, que está envolvida com alguma coisa, representando sua solidão. No canto ela tinha escrito "me sinto sozinha" mas apagou porque tem vergonha disso.

David, 8 anos

Ele sofreu abuso sexual. No desenho, ele destaca os olhos e o pênis do agressor. Ele escreve também "marica" e "chupa-rolas". O agressor falava isso enquanto o estuprava.

Isabel, 8 anos

Foi abusada sexualmente pelo pai. No desenho ela retrata o momento do abuso. O pai colocou ela em uma cadeira pra penetrá-la por trás. Na parte superior da imagem, ela retrata o irmão mais novo dela, que ficou vendo tudo acontecer pela porta.

Joan, 8 anos.


No desenho ele coloca o cara que estupro ele numa gaiola, fechada com um cadeado, e a chave (no canto superior direito) protegida por espinhos, pra ninguém conseguir pegar.

Marina, 5 anos.

Era abusada pelo pai, que também obrigava ela a assistir filmes pornô. No desenho, ela retrata um dos filmes que ela assistiu. Ela disse ao especialista que nesses filmes as pessoas "ficavam peladas e faziam coisa feia".

Ester, 9 anos
Ela desenhou a posição que tinha que ficar quando o seu pai abusava dela. 

Toni, 6 anos

O especialista pediu pra ele desenhar o cara que abusou dele. Ele disse "é um monstro". Destacou o pênis ejaculando.

Andrea, 10 anos
Representou como eram os abusos, onde ela tinha que tocar o pênis do cara, e ele tocava a vagina dela. Ela ficou com vergonha de responder as questões do psiquiatra, e aceitou escrever as respostas no desenho, por isso os "sims" e o não.

Victor, 7 anos
Ele era obrigado, aos 4 anos de idade, a fazer sexo oral no seu pai. A linha que sai da boca dele e vai até o pênis do pai representa a sua língua.

Comentários
21 Coment�rios

21 comentários :

O fato é que pedófilos, estupradores tem um transtorno grave de personalidade, são os chamados psicopatas leves (aqueles que nunca matam, mas que causam muita desgraça. Pena devemos ter das vítimas, pois eles sabem muito bem o que fazem. São dissimulados, verdadeiros lobos em peles de cordeiros. Jamais veremos um pedófilo estuprando uma criança no meio da rua, eles tem total consciência do que fazem, mas não sentem culpa alguma por isso. Merecem punição severa!

Esses desenhos servem para ficarmos alertas nos sinais q as nossas crianças estam emitindo .Muitas vezes elas não falam conosco mas desenham.vou prestar mais atenção nos desenhos eles podem set um grito .

Esses desenhos servem para ficarmos alertas nos sinais q as nossas crianças estam emitindo .Muitas vezes elas não falam conosco mas desenham.

Ajudar pais e mães reconhecerem se a criança esta sendo abusada anta


aff tem pessoas que ou 'e muito burra ou 'e muito alienado mesmo,pra nao entender a inten¢ao dos desenhos e das informa¢oes abaixo.

O nome disso e psicologia infantil, entender o que se passa na vida de uma criança por meio do que elas retratam nos desenhos,ou seja, "uma leitura do mundo em que elas vivem".

essa gente que não entende não tem filhos ou é burro mesmo que nem desenhando entendem imagina dar explicação é perder tempo!!

Triste já sofri abuso quando criança vc se sente sujo e sempre e alguém conhecido

Acredito que oa desenhos também sirvam para demonstrar como uma atitude desprezível pode influenciar produbdamente, de forma negativa, os abusados, e, desse modo, tentar criar consciência no abusador e evitar tal dano.

Me enoja lê tais atitudes principalmente quando parte de pessoass tão proximas como um pai isso não se deve ser chamado nunca de pai e sim paidegua mães acreditem qdo seu filho ou filha comentar algo desse tipo ou vc notar alguma mudança no comportamento deles fique alerta não vacile investique e na veracidade dos fatos denuncie

Minha sobrinha foi vítima de atos libidinosos (não houve conjunção carnal, talvez por não ter conseguido a tempo) e tortura por um monstro que infelizmente é primo; elavoltou a usar fraldas porque urinava na cama, um dos desenhos que a criança colocou o pai menor e as demais maiores, me lembrou ela ao ser acompanhada psicologicamente no centro de apoio de crianças vítimas de abuso. Ao invés dela destacar o pai e minha irmã, ela me destacou, talvez porque partiu de mim a iniciativa de denunciar depois dela contar o que a escória fazia com ela tendo apoio da avó dele. No final, passaram-se 5 anos e o juiz não deu a sentença que já está há 1 ano!
Ao ler em umas das postagens a parte "Merecem punição severa!" quem dera fosse assim mas a realidade é outra; esses monstros são mais protegidos pela lei do que pela justiça. São presos preventivamente e quem os espera? DIREITOS HUMANOS! E onde está eles pra dar apoio a vítima e a família que por muitas vezes sofrem ameaças direta ou indiretamente do agressor (ou dos seus familiares). Mesmo com a alteração das leis, o que eu vejo realmente vingar, é quando crianças inocentes acabam sendo estupradas ou até mesmo mortas; aí a sociedade + mídia, interferem... mas outras crianças que são tocadas, forçadas a fazerem sexo oral não adianta, porque não há lesão, não há nada físico e a justiça em boa parte dos casos, A-B-S-O-L-V-E! Então muitos fazem justiça com as próprias mãos e o que acontece? SÃO PRESOS! E quem deveria estar pagando pelos seus crimes, fica numa boa solto, esse é o nosso Brasil varonil!

É realmente triste perceber q isso acontece todos os dias e muitas vezes não vem a tona, as crianças sofrem caladas.

Um monstro desse deveria ser CAPADO para nunca mais mecher com ninguem.

Sou mae de uma menina e meu maior medo e esse
Cada vez que vejo crianças passando por isso me revoltao estomago que deus nunca permita q isso aconteça km minha filha que e a razao d minha vida peço a deus que de paz p essas crianças.......

Infelizmente eu com 3 pra 4 anos, tambem fui abusado sexualmente por um vizinho, + infelizmente nada pude fazer, hoje com 40 guardo essa angustia dentro de mim

Postar um comentário