Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Efeito borboleta: pequenos erros que resultaram em grandes cagadas

Grandes cagadas quase sempre são resultados de pequenos erros (Se o erro for grande, a cagada resultante é grotesca). É como se o erro fosse uma pedra e as ondas de um lago resultantes da pedra jogada nele fossem os resultados dos erros. Dá pra elaborar uma fórmula geral do erro-cagada. 

Erro: uma peça mal colocada
A cagada: Uma obra que estava sendo feita há 12 horas destruída


Erro: um empurrãozinho no armário
A cagada: Todo o lugar destruído


Erro: uma chapa de madeira jogada no telhado
A cagada: uma rasteira da chapa de madeira


Erro: um pequeno impulso no cavalo
A cagada: As leis da física


Erro: tentar salvar algumas caixas de cerveja que estavam caindo
A cagada: quase todas as caixas destruídas


Erro: achar que o fio não dá choque
A cagada: dá sim


Erro: Atacar um gato que tem 4x seu tamanho
A cagada: Ele não gostou


Erro: sentar em um pequeno animal
A cagada: é um porco-espinho


Erro: fazer pose sensual num chafariz
A cagada: se apoiar no nada


Erro: entrar no lago pra ver como que é
A cagada: é horrível


Erro: usar o celular enquanto anda na rua
A cagada: um carro parado


Erro: comemorar um gol
A cagada: bater na televisão


Erro: desrespeitar leis de trânsito
A cagada: Achar que um bondinho não aguenta muito peso


Erro: calcular mal a altura de três caixas
A cagada: um banho


Erro: tirar meleca e comer em público
A cagada: ser filmado em um evento ao vivo e aparecer pra milhões de pessoas


A gorda faz questão de rir no ouvido dele "SE FODEEEEEU KKKK"

Comente com o Facebook: