Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Caçador ilegal de rinocerontes é morto por elefantes e comido por leões


Os chifres dos rinocerontes valem muito no mercado negro: até 50.000 dólares o quilo (por volta de 192 mil reais). A polícia diz que é comum esses caçadores serem mortos por leões. A África do Sul abriga mais de 20.000 rinocerontes, o equivalente a 80% da população total de rinocerontes no mundo.

Desde 2008, mais de 7.000 rinocerontes foram mortos devido à caça ilegal, e só em 2017, 1.024. O chifre vale muito mais se estiver inteiro, mas pra obtê-lo dessa forma, o animal deve ser morto. Os caçadores dopam o animal com dardos, e usam um machado pra cortar o chifre. O animal sangra até a morte. Mas uma hora a natureza dá o troco.


Um homem que caçava ilegalmente rinocerontes na África do Sul foi atacado e morto por elefantes. Depois, um grupo de leões apareceu e o devorou. É o que as autoridades que policiam o Parque Nacional Kruger relataram. Apenas o crânio e as calças do caçador ficaram de lembrança.

Os quatro cúmplices do homem foram presos. Eles estavam no parque pra caçar os rinocerontes e avisaram os familiares antes de ir. Como demoraram, as famílias avisaram a polícia, que começaram as buscas, com policiais a pé e por ar.

O dono do parque, Glenn Phillips, lamenta o ocorrido e diz que não é nada inteligente entrar no parque ilegalmente e ainda mais a pé. Diz ele que ficou triste ao ver as filhas do homem de luto. O parque, que abriga diversos animais da savana africana, e os protege, é claro, oferece a turistas um passeio na savana que ficará pra sempre em suas memórias, sem causar dano nenhum aos animais, e com a devida proteção.