Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Enfermeiro que provocava paradas cardíacas pra treinar ressuscitação é preso por 85 assassinatos


Niels Högel escolheu uma profissão admirável que dedica sua vida aos outros: a de enfermeiro. Mas o que ele fazia com os pacientes, pra treinar suas técnicas, era horrível, e só foi descoberto depois de muito mal ser feito.



 

Quando ninguém estava por perto, ele injetava drogas nos pacientes mais graves, e tais remédios provocavam paradas cardíacas. Tudo isso pra ver se suas habilidades de massagem cardíaca, também conhecida como "ressuscitação" ou "CPR", estavam em dia. E muitas vezes ele fracassou.

Recentemente ele foi condenado por 85 assassinatos, embora tivesse sinalizado 100 em interrogatórios. 15 desses assassinatos não puderam ser provados. As vítimas tinham entre 34 e 96 anos, e os casos ocorreram no norte da Alemanha, entre 2000 e 2005.

Mas a polícia acredita que os assassinatos passam de 200. O enfermeiro já estava preso por assassinato e tentativa de assassinato, e sua prisão causou a descoberta desse número imenso de homicídios. "Eu gostaria de me desculpar a todos", disse o enfermeiro no julgamento. Dentre as testemunhas, estavam antigos colegas de trabalho. Alguns disseram que pensavam que Niels dava azar por muitas vezes os pacientes sob seus cuidados precisassem de ressuscitação.

Outros o apelidaram de "Rambo da ressuscitação" devido às várias vezes em que fez isso. Niels pediu perdão às famílias das vítimas "pelos seus atos horríveis".

Fonte: CNN