Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

300.000 pessoas vão invadir simultaneamente a Área 51 e tudo está sendo planejado em um grupo do Facebook


Como assim? O governo agora pode esconder um monte de coisas dentro de um terreno e quem quiser saber sobre deve ser morto? Segundo esse grupo, chega dessa história ridícula. O movimento "Eles Não Podem Parar Todos Nós" trouxe a proposta de uma invasão em massa à Área 51, conhecida pelas lendas envolvendo "aliens", dentre outras lendas bizarras e ultra-secretas.




A ideia é simples: se uma pessoa tentar invadir a Área 51, ela é morta. Mas se centenas de milhares fizerem isso ao mesmo tempo, o governo não vai ter coragem de cometer um genocídio contra o clamor popular. Pelo menos eles acham que não.

O grupo até criou um evento no Facebook, e 300.000 pessoas já confirmaram presença, enquanto outras 303 mil demonstraram interesse. Dentro do grupo, existem várias facções. Uns acreditam que vão encontrar armas e tecnologias que ninguém imagina existirem. Outros acreditam que vão encontrar provas que mostram a interferência de "aliens" nos governos. Alguns ainda creem que vão achar provas das farsas da NASA. Mas seja lá o que vão encontrar lá, todos vão encontrar juntos.



Se você for dar uma olhada no grupo, verá que eles já têm um plano: eles se dividirão em três setores. 1) os "rock throwers": 100.000 pessoas jogando pedras ao mesmo tempo nos soldados, para distraí-los. 2) os "naruto runners": 100.000 pessoas correndo ao redor da Área 51 logo após as pedras começarem a ser jogadas.; e 3) os invasores: enquanto toda a segurança do lugar estiver distraída, outro grupo de 100.000 pessoas irá de fato entrar no lugar e encontrar uma segurança enfraquecida. Então os Naruto Runners, que se dividirão em dois ao redor da Área, se reunirão com eles e com os rock throwers, pro último golpe. Então eles planejam pegar tudo o que encontrarem de informação.

É claro que, como eu e você sabemos desse plano, ele não é nada secreto e o governo americano já sabe disso. O que levou Jackson Barnes, criador do grupo, a dizer que tudo é uma piada, embora boa parte do grupo discorde. Mesmo que não seja um ataque surpresa, seria curioso ver o resultado disso. Só o tempo dirá.