Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Depois de 3 dias, "Cyberprank 2069" foi removido das prateleiras por motivos óbvios


Cyberpunk 2077 já é um dos lançamentos mais aguardados de 2020, e mesmo um ano antes de seu lançamento, é um dos jogos mais comentados do momento. E é claro, tem gente que quer surfar na mesma onda, e mais: na mesma prancha.




A empresa Cyberpath lançou no dia 20 de julho um jogo chamado "Cyberpunk 2069", com 8 anos a menos do que seu "concorrente". Logo em seguida, o nome foi alterado pra "Cyberprank". Vendido a 10 dólares, conta uma história "original" de um futuro distópico dominado por ciborgues. Eis a descrição do jogo:

"Essa é uma nova geração de RPG's. Uma verdadeira simulação da vida no futuro. Em 2069, as pessoas foram escravizadas por computadores inteligentes. Agora é um cybergueto. O personagem principal é um policial do passado. Sua missão é se tornar o cidadão mais rico dessa cidade do futuro".

Impressionante. Obviamente, 3 dias depois de seu lançamento, sua venda e distribuição foi proibida na Steam pelos problemas resultantes da semelhança com outro jogo. Pois é, infelizmente você não poderá jogar esta obra.

Mas o consolo é que ainda podemos ver o gameplay:


A Cyberpath, depois da proibição da venda, disse que vai presentear todos que compraram esta farsa com o verdadeiro Cyberpunk no Natal, mesmo com o jogo não sendo lançado nessa data. Sei não...

Fonte: PC Gamer