Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Dra. Marijuana Pepsi se forma com tese sobre nomes estranhos e se recusa a mudar o seu


Embora seja o nome perfeito pra um adultecente viciado em jogos online, Marijuana Pepsi Vandyck não usa maconha e não é fã de refrigerantes. Ela se formou doutora em filosofia na Universidade de Winsconsin, com ênfase em liderança para o avanço no aprendizado.



Ela quis provar pro mundo que, mesmo tendo um nome um tanto único, ela poderia ser alguém na vida. "As pessoas fazem alarde sobre isso", diz ela. A mulher de 46 anos diz que um dia questionou sua mãe sobre seu nome peculiar, e descobriu o motivo. Por ser um nome extremamente chamativo, acreditava a mãe dela que sua filha se destacaria sempre, e que "iria a lugares". Ela vive em uma fazenda em Illinois, com o marido e seus 4 filhos.

Mesmo que hoje não ligue, ela ressalta que nem sempre foi fácil. Durante a adolescência, seu nome era constantemente escarnecido. "Em toda aula, no momento da chamada, quando o professor dizia os nomes em voz alta, assim que chegava na letra J, eu pensava 'lá vem", sabendo que todos olhariam pra ela ou ririam.

A agora doutora usou isso em seu favor e escreveu sua tese, com ênfase no ensino, sobre o impacto de nomes estranhos na mente de alunos em uma classe de aula. Hoje ela gosta do nome e agradece a sua mãe por ele.