Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Polícia confunde cocô de passarinho com cocaína e prende jogador de futebol americano


O carro do quarterback do time de futebol americano Eagles foi parado pela polícia, e o jogador Shai Werts foi preso por posse de drogas. O problema é que a droga era cocô de passarinho. Os policiais colocaram o jogador na parte traseira de seu carro parado no acostamento e começaram a revistar seu Dodge Charger.




No vídeo, os policiais começam a prestar atenção na roupa do homem, olhando de perto algo branco nela. Um deles pergunta: "o que é essa coisa branca aqui?", e ele responde "cocô de passarinho". O policial não acredita e diz que aquilo não parece cocô de passarinho. Ele então testa a substância e diz:

"Eu juro por Deus que isso não é cocô de passarinho. Eu testei e ficou rosa". Se referindo ao teste onde uma substância muda de cor ao entrar em contato com cocaína. O jogador insiste que é cocô de passarinho mas o policial alega que testou positivo pra cocaína. Então o homem é levado preso.

Ele foi acusado de dirigir em alta velocidade e posse de droga ilegal, chegando a ser suspenso do time em que jogava.


Porém, pouco depois, os promotores retiraram as queixas, porque de fato, não era cocaína. Era cocô de passarinho. Al Eargle, promotor do caso, disse que os testes vieram do laboratório e de fato era cocô.

O time readmitiu ele aos treinos. Os promotores garantiram que o caso não gerará antecedentes criminais ao jogador.


Fonte: TMZ