Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

"Influencer" do Instagram é banida pra sempre por falsificar e-mail para ir na classe executiva de avião


Jacqueline Ng comprou uma passagem de avião da empresa Cathay Pacific nunca mais poderá voar com eles após ter falsificado um e-mail, segundo a empresa. Por ser, supostamente, uma "Influencer" do Instagram, com 65 mil seguidores, ela se achou no direito de ir na classe executiva usando uma passagem da classe econômica.







 

E pra isso, segundo a empresa, usou de certa liberdade poética pra compor um e-mail falsamente enviado pela Cathay Pacific pra ela, onde a empresa concede permissão pra que ela voe na classe executiva se usar uma hashtag em seu Instagram.


"Por causa das suas redes sociais, gostaríamos de formalmente te dar um upgrade para a classe executiva", diz o falso e-mail. Segundo a empresa, ela inclusive assinou como sendo o diretor do departamento de marketing da empresa.

Dias antes da viagem, ela foi ao aeroporto de Taipei e disse que mandou um e-mail pedindo o upgrade para a sua viagem de retorno de Taiwan até Nova Iorque e que esta foi a resposta. Porém, os funcionários da empresa negaram o tal "upgrade". Mesmo assim, no dia de sua viagem ela tentou de novo, e foi informada de que não poderia embarcar.

Ela esperou no check-in por 30 minutos, até que um funcionário se aproximou e informou de que ela falsificou um e-mail e que estava banida pra sempre de comprar passagens da empresa. Por causa da fraude, sua passagem da classe econômica também foi cancelada.

A influencer teve que desembolsar mais 1.400 dólares (5.800 reais aproximadamente) pra comprar outra passagem. Chegando em casa, ela ligou pra companhia pra desfazer o "mal-entendido" e obter o estorno da passagem extra que comprou. A empresa respondeu pra ela enviar o código de rastreio do e-mail enviado a ela pelo diretor do departamento de marketing, pra prosseguir com o pedido.

Fonte: Elliott Advocacy