Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Banana grudada na parede com silvertape que foi vendida por 495.000 reais acaba sendo comida por homem com fome


A galeria internacional Perrotin grudou uma banana com uma silvertape na parede, disse que é arte e vendeu o negócio pra alguém por 120.000 dólares (495.000 reais). Há quem diga que tais coisas sejam um grande esquema de lavagem de dinheiro, mas eu que não vou afirmar nada. Porém, não é esse o ponto.




David Datuna estava visitando a exposição, sentiu fome, viu a banana e teve uma ideia. Começou a dizer que iria fazer uma "performance de arte" e comeu a banana. Ora, se a banana na parede é arte, ele comer a banana é arte também e ninguém pode reclamar. A galeria perdeu em seu próprio jogo. Embora o "artista" que grudou a banana na parede estivesse no aeroporto pronto pra picar a mula com sua grana fácil, quando ele ficou sabendo que uma performance artística devorou a performance artística dele, ficou furioso, e voltou pra galeria.

Os funcionários chegaram a anotar o nome de David e fazer certa pressão, mas não poderão fazer nada. Em 15 minutos, outra banana estava lá.

"Estava deliciosa", disse David em entrevista. Ao ser perguntado se o gosto dela era melhor do que o gosto de uma "banana normal", ele respondeu: "É claro. Eu posso comer a banana e eu posso comer o conceito de banana - porque eu sou um artista e não um ser humano normal".


Lucien Terras, o diretor do museu onde está acontecendo a exposição, disse que ele não destruiu a performance, dizendo que a "banana é uma ideia", o velho truque de apelar pro platonismo pra não admitir derrota.


Fonte: Miami Herald