Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Mãe vai na escola denunciar bullying contra a filha e apanha também


Uma mãe está se recuperando depois de ter levado uma surra de duas adolescentes do lado de fora da Escola de Ensino Médio James Logan, em Union City, Nova Jersey, EUA. 

Sua filha de 16 anos em certo dia confessou à mãe que estava sendo perseguida e agredida na escola por um grupo de garotas. Então, muito braba, é claro, Maria Guadalupe Gimenez foi até a escola com o seu marido, Eder Rojas, a filha de 16 anos e uma outra filha de 4 meses.




O intuito era falar com o diretor. O problema é que quando chegaram lá, o grupo de garotas que estava perseguindo a filha estava lá fora, e assim que perceberam o encontro, as adolescentes começaram a desferir socos. "Elas começaram a gritar: 'o que vocês vão fazer? Quem vai lutar primeiro?"

Eder, por instinto paterno, bloqueou o caminho para a menina de 16 anos, e então as adolescentes foram pra cima da mãe. A mulher levou diversos socos e chutes na cara, até mesmo depois de ficar inconsciente.


A polícia foi ao local e conseguiu prender uma das agressoras, que será acusada de agressão e ferimento grave a alguém. A mulher ficou internada por dois dias. 

Os administradores da escola dizem estar investigando o fato, enquanto a família alega que as perseguições já duram um ano e que vão buscar um advogado, além de mudar a menina de escola.

Fonte: Metro UK