Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Adolescentes começam "Desafio George Floyd", causam revolta e são presos


"Desafios" toda hora aparecem na internet, e alguns são divertidos, outros são horrendos. Porém, alguns até causam a prisão de seus inventores. Dois adolescentes publicaram um "Desafio George Floyd", onde os participantes devem imitar a cena que já foi vista pelo mundo inteiro da prisão de George Floyd, que depois morreu.





O Facebook tomou medidas contra o tal desafio. No próprio Facebook, a hashtag ao ser pesquisada não exibe nenhum resultado, e no Instagram aparece o aviso de que essa hashtag foi ocultada. Um porta-voz do Facebook disse ao New York Post que as publicações desse "desafio" estão sendo removidas de suas plataformas.


Segundo a polícia, dois adolescentes (de 18 e 19 anos) que começaram o desafio foram presos acusados de "enviar comunicações que causam ansiedade", e depois liberados sob fiança. Eles são do Reino Unido


Porém, alguns dos poucos defensores desse "desafio" dizem que isso não se trata de crime de ódio ou uma "comemoração", mas é pra mostrar que ninguém é asfixiado desse jeito, segundo eles. Tal versão faz parte daqueles que creem que tal caso seja algo encenado pra gerar convulsão social e desestabilização, como intuito de "cavar a falta" pra uma intervenção militar.

Seja como for, muitos dos que participaram do tal desafio estão se ferrando legal, como uma dupla de amigas que foram expulsas da universidade. No vídeo gravado por elas, duas estão encenando o "desafio" e uma terceira filma. A que está sob o joelho diz "eu não posso respirar", repetindo o que George Floyd diz, e a que filma diz: "você pode sim" e todas começam a rir.


Elas publicaram o vídeo no Snapchat e foram expulsas da Universidade do Missouri.