Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Julgamento por chamada de vídeo que terminou com condenação à morte causa polêmica na Nigéria


A organização Human Rights Watch acusou como "desumano e inerentemente cruel" uma condenação à morte dada na Nigéria por um julgamento feito através do aplicativo Zoom.

A juíza Mojisola Dada, de Lagos, na Nigéria, sentenciou Olalekan H. à morte por enforcamento após ele ter assassinado um funcionário de sua mãe. O julgamento durou cerca de três horas e os advogados também estiveram presentes por chamada de vídeo.




Olalekan alegou não ser culpado do asssassinato do homem de 76 anos, Jolasun Okunsanya, em dezembro de 2018.

"A sentença dessa corte sobre você, Olalekan H., é que seja pendurado pelo pescoço até que seja pronunciado morto e que o Senhor tenha misericórdia de seu coração. Esse é o julgamento virtual dessa corte", disse a juíza Mojisola.

Não se sabe ainda se Olalekan vai apelar.

Fonte: BBC