Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Pai é indiciado após espancar homem de 20 anos que estava no quarto de sua filha de 14


Ismael Casillas, de 41 anos, espancou e enforcou um homem de 20 anos, Keywontrezes Humphries. Isso porque ele encontrou o homem no quarto de sua filha de 14 anos. O caso aconteceu no feriado do 4 de Julho, no estado da Geórgia, nos EUA.




O homem bateu tanto no moço que ele ficou inconsciente, e após isso, enforcou o garoto, tudo isso de manhã. Agora ele está enfrentando uma acusação de agressão grave. 

O que levou as próprias autoridades a levantarem as acusações foi que o homem, totalmente tomado pela raiva, não queria deixar o homem sair de sua residência, descaracterizando a defesa de propriedade.

Ismael Casillas, o pai da garota, perdeu a cabeça quando viu o homem no quarto da filha pela manhã

Por outro lado, o moço de 20 anos, cujo apelido é "Man Man", está sendo indiciado por abuso sexual, já que supostamente manteve relações sexuais com uma garota de 14 anos. Segundo relatos, parece que as coisas saíram ainda mais de controle quando Ismael pediu sua arma pra mulher. O "Man Man" conseguiu pular pela janela enquanto ouvia uma série de disparos, segundo a versão dele.


O investigador que cuida do caso, Scott Kilgore, disse o seguinte: "existe uma linha que ele não pode cruzar, nós não podemos cruzar, quando alguém não é mais uma ameaça pra você. Meu conselho é entrar em contato conosco [a polícia] e deixar que resolvamos. Não assuma isso com as próprias mãos".

O "Man Man" ficou assim depois do ocorrido

A esposa de Ismael, Kristy Michelle Casillas, lançou uma 'vaquinha' virtual no GoFundMe pra custear a defesa do marido no julgamento que há de vir. Ela diz que o "Man Man" conheceu a filha dela através de um jogo de Xbox que permite conversas por áudio. Os dois marcaram de se ver e no feriado o homem viajou por 2 horas pra encontrá-la. 

A mulher diz que quando Ismael encontrou o homem, não fazia ideia do que estava acontecendo. Não sabia se era um sequestrador, um invasor, ou seja o que for, e partiu pra cima do estranho que estava no quarto de sua filha. Só depois, conversando com a garota, é que foram descobrir a história.

"Ela não é inocente, mas ele tem 20 e ela 14, ela não é madura o suficiente pra entender o que fez". As leis da Geórgia permitem que se use a força pra defender sua propriedade e seus familiares de intrusos, mas só enquanto eles oferecem ameaça.