Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Cientistas descobrem que ratinhos que dirigem carrinhos ficam calminhos


Pesquisadores da Universidade de Richmond, nos EUA, resolveram ensinar ratinhos a dirigir. 17 ratinhos aprenderam a ir pra frente, pra trás, pra esquerda e pra direita com carrinhos feitos a partir de potes.




Kelly Lambarta, a doutora que liderou o estudo, fez com sua equipe diversos carrinhos de potes de plástico ligados a uma placa de alumínio e um mini-sistema eletrônico com fios de cobre que dava ordens às rodinhas conforme o lugar em que o rato tocava.

 "Com licença. Você pode me dizer como eu chego em algum queijo? Qualquer um"

Eles então precisavam dirigir por certos caminhos até chegarem aos seus objetivos. E assim, ganhavam quitutes e petiscos. Após meses de treinamento, os ratinhos conseguiam fazer o carro chegar até onde queriam.

Mas longe de ser o cúmulo do tédio, esse estudo teve achados muito interessantes. Entre os 17 ratinhos, alguns deles nasceram em laboratório, outros cresceram em "ambientes enriquecidos", cheios de obstáculos, presas e perigos e coisas estimulantes. Os ratos que cresceram nesses tais "ambientes enriquecidos" aprenderam muito mais facilmente a dirigir.

 "Bora tirar um racha"

Isso indica que crianças que são estimuladas quanto às habilidades cognitivas aprendem mais rápido durante a vida inteira. A outra descoberta também foi interessante: analisando as fezes dos ratinhos antes e depois da auto-escola, foi encontrado um grande aumento de desidroepiandrosterona, um hormônio que combate o estresse e produz calma no corpo.

Os cientistas estão ligando a produção desse hormônio ao aprendizado de uma nova habilidade. Tal descoberta pode auxiliar no desenvolvimento de tratamentos sem remédios farmacêuticos para o tratamento de certos distúrbios psicológicos.


Seria interessante fazer o fórmula 1 de ratos. Só pra eu ver mesmo.

Fonte: BBC