Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Homem descarrega fuzil de airsoft em menino porque ele queimou o "badge" do seu "clã" num vídeo


Um vídeo que corre por aí de um moleque levando uma baita rajada de tiros de airsoft nas costas tem uma história um tanto complicada por traz.




A versão da vitima é que ele fazia parte de um "clã" de Airsoft, ou seja, uma equipe que se envolve em valores de irmandade e coisas assim, e posteriormente mudou de clã, gravando um vídeo do "patch" ou "badge" do clã, ou seja, um símbolo que eles grudam na roupa que os identifica, sendo queimado em uma churrasqueira.

Por conta disso, um dos membros desse clã que foi "traído" soltou-lhe uma baita rajada de airsoft bem na coluna, deixando o moleque gritando e se contorcendo no chão, durante uma das pausas de uma partida de Airsoft. 


Todos olham pasmos pro homem, pedem que se chame a polícia, e os monitores do local o removem de lá. Segundo o lugar, ele foi banido de participar de mais partidas no local e a empresa está "trabalhando com as autoridades".

Do outro lado há a versão do acusado. Ele não nega ter feito o que fez, afinal, ele mesmo gravou, mas diz que o motivo não foi apenas uma retribuição porque ele queimou o negocinho do clã. Mas primeiro porque tal "patch" foi feito pela vó dele que morreu, e que em um momento de verdadeira consagração do adolescente no clã dele, acabou presenteando o menino com o tal patch muito especial feito pela sua avó.


Segundo ele, tal foi o patch queimado na churrasqueira. Ainda segundo a versão do acusado, o menino quando entrou no clã pegou equipamentos emprestados pra que pudesse participar das atividades do clã, e o valor desses equipamentos varia de testemunha pra testemunha, mas a questão é que tais equipamentos nunca foram devolvidos.


E por isso, ele deu uma rajada nas costas do moleque. A comunidade de Airsoft do Youtube, que é bem grande, discutiu bastante sobre o assunto, anunciando as versões de ambos os lados.

Fontes: Marpat Operators e Curry Airsoft