Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Artista faz bonecos especiais pra ajudar a crianças especiais se aceitarem como são


 
Certas coisas não podemos aceitar em nós mesmos, como quando, por exemplo, nos embriagamos e durante a embriaguez fazemos mal a quem amamos. Alguns sofrem com isso, lutando contra o vício do alcoolismo pra que pare de fazer mal a si mesmo e aos próximos. E claro, tal coisa não se aceita em si mesmo, embora muitos costumem inventar desculpas pra que o vício seja normalizado.
 
 
Do outro lado estão coisas que de modo algum deveriam te entristecer, que são certas características únicas que chamam a atenção por sua raridade. Algumas alteram só a aparência, outras também certas funções do corpo, mas ainda neste último caso, como tal coisa não implica culpa alguma, ou seja, maldade alguma, então não deve causar tristeza.
 
 
Se já é difícil convencer um adulto disso, imagine então uma criança que está na fase de conhecer mais gente além do papai e da mamãe? É nessa hora, quando se entra na escola ou se começa a ir no parquinho que a criança começa a ver quem é ela e quem é o outro e que existem grupos onde você pode amar e ser amado, ou então, triste, mas real, ser rejeitado.
 
 
Uma das coisas que conforta a criança é se ver no outro, pra que sinta a sua existência ser entronizada entre o gênero humano, e não se sinta como um intruso entre nossa espécie. Claro que não pensam sobre isso racionalmente, mas buscam por instinto tal coisa.
 
 
As crianças se veem nos outros não só entre seus colegas, mas entre as coisas que permeiam seu cotidiano, como brinquedos, desenhos, dentre outros. Pensando nisso, uma artista chamada Amy Jandrisevits abriu há 4 anos uma instituição chamada "A Doll Like Me", ou "Um Boneco Como Eu".
 
 
O projeto doa bastante bonecos, embora você possa incomendar um também, caso tenha dinheiro, e pode doar dinheiro pra que alguma criança receba os bonecos, se quiser.
 

Confira os resultados de alguns dos trabalhos de Amy:

 











Você pode acompanhar o trabalho de Amy pela página dela no Facebook