Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Homem resgata urso que perdeu a mãe e após 4 anos de carinho é comido por ele


 

Os "restos do esqueleto" de um homem foi encontrado pela polícia em sua casa depois que seus parentes relataram o seu desaparecimento, e além disso, terem visto o seu urso andando na rua.

 

A história começou quando Sergey Grigoriyev, um russo de 41 anos, encontrou um filhote que se perdera da mãe (que pode ter morrido ou não).
 
 

 
Pra não deixar o bichinho morrer, Sergey o levou pra casa e cuidou dele, alimentando-o todo dia. Quando ele cresceu, uma gaiola foi feita pra que ele fosse mantido sob controle, e de vez em quando ele era solto.
 
 
Após encontrar os "restos do esqueleto" do homem em sua casa, a polícia de Ozersk procurou o animal e o abateu, pois o urso, quando ataca um humano, vai atacar mais.
 
 

 
Marcas de sangue faziam um caminho pela casa do homem até a neve, onde foram encontrados os ossos que sobraram. Alexey Petrov, detetive da polícia de lá, relatou que a gaiola do bicho estava aberta, e que ele estava perambulando pela região com comportamento agressivo.
 
 


Após ser resgatado, o urso recebeu o nome de Vorchun ("resmungão" em russo). Outro filhote havia sido adotado com ele e ele foi para uma instituição, onde só havia lugar pra um. Para o Vorchun, a única proposta de adoção era a de um centro de treinamento de cães de caça, que usam estes predadores pra treinar.
 
 
Porém, tais lugares são conhecidos pela crueldade com que tratam os bichos, e Sergey resolveu então ficar com ele até achar outra proposta, que nunca veio, ainda mais quando o bicho cresceu. Um dos três cachorros de Sergey também foi comido, além de outro cachorro de rua.
 
 
Fonte: Metro UK