Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Homem desempregado de 30 anos denuncia a mãe ao Ministério Público após ser expulso de casa

Foto ilustrativa. Créditos: Unsplash

Um mexicano de 30 anos teria denunciado a própria mãe às autoridades por expulsá-lo de casa, porque ele não queria encontrar um emprego ou pelo menos ajudar nas tarefas domésticas. 



 

A mídia mexicana noticiou o caso de Uriel, um homem de 30 anos que denunciou sua própria mãe e tia perante o Ministério Público mexicano, acusando-as de agressão e assédio. O jovem alegou ter sido espancado para fora de casa pelas duas mulheres, que também jogaram água nele.

 

O que não contou às autoridades é que há meses mora na casa da mãe, de graça, sem contribuir para o orçamento familiar e nem mesmo ajudar nas tarefas domésticas.


A mãe de Christian explicou que ele tinha ido morar com ela no início da pandemia do Covid-19, logo após perder o emprego. 

 

Ela ficou feliz em ajudá-lo, mas depois de quatro meses com ele apenas sentado no sofá e jogando videogame o dia todo, seu instinto maternal começou a mudar. Para piorar as coisas, o homem de 30 anos não ajudava em nada e esperava que tudo lhe fosse servido.


Como o México começou a se recuperar após o bloqueio e as empresas começaram a reabrir, a mulher pediu a seu filho que procurasse um emprego, para que ele pudesse contribuir para o orçamento familiar, mas ele a ignorou completamente e continuou viciado em televisão.


A mulher admitiu que em um ato de desespero ligou para a irmã e juntas expulsaram Christian de casa, jogando água nele e batendo nele com vassouras.

 

O jornal mexicano El Comercio noticiou que Uriel queixou-se de ter ficado ofendido com o fato de sua mãe o ter expulsado e pela maneira como o fez, por isso ele apresentou uma queixa contra ela. O tribunal ainda não se pronunciou sobre o caso.


Fonte: El Comercio