Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Polícia admite que prendeu o homem errado mas se recusa a soltar ele

 

A família de um homem bem como testemunhas estão pedindo respostas à polícia de San Diego após um homem que fazia uma corrida ter sido parado, interrogado, algemado e violentamente colocado numa viatura.




Naquele ato, ele foi considerado suspeito pelos policiais que atendiam a uma ocorrência de uma mulher que foi batida e sufocada por um homem. O homem que foi parado tinha uma descrição física parecida com a que deram do suspeito, e os policiais o pararam e perguntaram seu nome.


Ele se recusou a dar o nome e também a data de nascimento. Os policiais então queriam levá-lo pra delegacia, e ele também se recusou a entrar na viatura. Foi aí que a confusão começou e os policiais partiram pra violência.


Uma vez preso, a vítima do crime foi até a delegacia e informou à polícia de que não era esse homem o culpado. Mas mesmo assim, a polícia não quer soltar o homem. Eles dizem que o preso agrediu aos policiais na abordagem.

 

A sorte é que Victor Maas filmou o momento da prisão, onde não vemos nenhuma agressão. O caso começou a se espalhar, e a polícia soltou um comunicado oficial. Nessa altura, a família dele informou que os policiais foram até a casa deles pedindo a senha do Facebook de todos.


No comunicado da polícia, eles disseram que iriam rever o caso e que Mathias foi confundido com outro, etc. Apenas 52 horas depois é que Mathias foi solto. Só pra constar, veja uma comparação entre Mathias e o verdadeiro culpado do crime, que foi preso posteriormente:

 

Veja o vídeo do momento da prisão:


Fontes: KENS5 e Express News