Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Mulher come sushi de posto de gasolina e surfa em brisa alucinógena por MESES


Comida japonesa envolvendo peixe cru é um assunto sério, afinal, qualquer erro e você morre ou quase morre. Mas tem gente que é louca e compra aquelas bandejas de sushi que estão há sei lá quanto tempo no display da loja de conveniência do posto de gasolina.




Essa mulher, cujas iniciais são J.C., um dia chegou tarde em casa e, cansada, abriu a geladeira e só encontrou uma bandeja de sushi que tinha comprado há 5 dias em um posto de gasolina. Somando isso com as décadas que o sushi pode ter ficado por lá, é um tanto arriscado. Mas vencida pelo cansaço, ela topou colocar aquilo pra dentro.


Sabendo que o gosto não seria dos melhores, encheu de molho shoyu o quitute maligno, e comeu tudo. Ela relatou que estava meio amargo o sushi, mas com o shoyu e a incrível fome, aquilo desceu que foi uma beleza. Mas logo as coisas começaram a ficar estranhas.


A primeira coisa foi uma insônia, como se ela estivesse elétrica. Então ela começou a ter uma crise de ansiedade, confusão mental e batimentos cardíacos elevados, tão fortes que ela sentia a pulsação em seu pescoço.

 

Uma terrível cólica começou. Segundo a moça, ela via vários "insetos" subindo pela parede e entrando por dentro de sua pele. Sabendo que aquele sushi estava amaldiçoado ou algo assim, ela procurou um médico, e os exames começaram.


A causa de tudo isso inicialmente não foi descoberta, mas quase todos os sintomas foram controlados pelos médicos, menos a questão das alucinações, que começaram um tempo depois e permaneceram por meses. Segundo a moça, ela via vários "insetos" subindo pela parede e entrando por dentro de sua pele Até que um dia um dos exames achou o que estava acontecendo.


Eles identificaram em seu organismo uma Diphyllobothrium latum, um parasita que, se não for eliminado, pode chegar a 9 metros de comprimento dentro do corpo. Esse parasita tem uma particularidade: ele gosta muito de vitamina B12, e começa a roubar tal vitamina do pobre hospedeiro, no caso, a nossa protagonista.


Tal vitamina, quando em falta, afeta funções nervosas, podendo causar alucinações. No caso dela, foram insetos entrando pela sua pele por meses. Ela foi tratada com praziquantel, que eliminou o parasita, e se recuperou totalmente.


Melhor comer sushi fresquinho, não?


Fonte: Mirror UK