Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Homem 3x maior tenta enforcar mulher treinada em Jiu-Jitsu e Muay Thai, é nocauteado e hospitalizado

 

Saber alguma luta pra defesa pessoal pode salvar sua vida. É claro, você não se transforma no Rambo e não dá pra sair na mão com 50 caras armados de bazuca, mas se um homem tenta te enforcar dentro de uma casa, você precisa se defender.


Foi o que aconteceu com Alexandra Rosa Florez. Ela estava cuidando do pai de um amigo, já que tal amigo precisou viajar e o pai era muito velhinho. Ela se certificava dele não esquecer os remédios e de comer adequadamente durante esse tempo.

 



Pouco depois desse incidente, Alexandra percebeu seu dom e passou a lutar profissionalmente em eventos de MMA.

Era a época do Natal, e o irmão desse amigo dela veio com a esposa passar o Natal com o pai. Mas mesmo assim ela continuou cuidando do idoso. Segundo a Alexandra, esse irmão dele, que tinha uns 50 anos, já chegou "sendo um babaca" com ela, mas começando baixo, zoando a bebida que ela escolheu em certo momento, um Bacardi, e dizendo que "ela não pertencia àquele lugar".

 


Outras provocações no mesmo nível continuaram, e Alexandra não se rebaixava e mantinha contato visual, fazendo com que o homem ficasse cada vez mais veemente em suas provocações, até chegar ao ponto de chamá-la de prostituta, acusando-a de ficar com seu irmão por dinheiro.

 



Em certo momento a esposa dele brigou com ele e decidiu ir embora sozinha por não aguentar mais a atitude do homem, e ele também estava prestes a ir atrás de sua esposa, mas antes resolveu dar uma última provocada na Alexandra. Ela estava comendo na sala e ele começou de novo com o papo de que ela era prostituta, ela responde que nunca fez sexo por dinheiro, e até o pai dele, que estava imóvel devido à condição de saúde, pediu pra ele ir.


Foi aí que o homem cometeu um terrível engano: decidiu agarrar a camiseta dela.


Alexandra treina na RS Martial Arts, em Junction City, no Kansas, sendo que faz duas lutas: Muay Thay e Jiu Jitsu. Ela já treina há um tempo e se considera boa nas duas modalidades. Agora era hora de ver numa situação real se valeu a pena pagar a mensalidade.


Dando um passo pra trás, ela fez algo que treinou no Jiu-Jitsu, e conseguiu se desvencilhar. Ele deu um passo pra alcançá-la e tentar pegar a camiseta de novo, e ela acertou dois socos nele, graças ao Muay Thai. O homem fez com que fosse revidar o soco, e levou mais um.


Ele bambeou e caiu por cima dela, e começa a enforcá-la. Ela então usa novamente o jiu-jitsu, usando o joelho pra tirar ele de cima dela. O velhinho que ela cuidava, pai do homem, conseguiu chegar neles e começou a puxar o pesado e grande homem, segundo Alexandra, 3 vezes maior que ela.


A moça se levanta, o homem também, e ele tenta novamente acertar um soco, e ela consegue acertar um counter-punch, soco onde você potencializa a pancada quando o oponente vai com a força dele em direção ao golpe. Ele caiu de cara no chão, sangrando, e desmaiou. Ele teve que ser hospitalizado, e passou a noite internado. Alexandra tirou uma foto do momento:


Ela também mostra o estrago feito em sua mão por causa dos socos:





E também o resultado dos socos que ela deu:




A polícia foi chamada ao local, não por ela, por conta da barulheira resultante, e eles colheram testemunhos e Alexandra num primeiro momento decidiu não prestar queixas, já que ela não ficou ferida e não ia dar nada. Mas em uma edição posterior em sua publicação no Facebook, ela cede ao pessoal nos comentários e vai fazer o B.O.



A moça publicou a história no Facebook, mostrando a importância de se saber uma luta de defesa pessoal, ou melhor, duas.


Fonte: O Facebook da própria Alexandra