Tecnologia do Blogger.

Mulher pede divórcio, homem diz que vai se matar, ela filma sem impedí-lo e é presa

 

Uma mulher de Kolkata, na Índia, foi presa após filmar o marido cometendo suicídio sem nenhuma tentativa de dissuadi-lo. 


A moça de 22 anos, chamada Neha S., era casada com Amon S., de 25 anos. Eles tinham um relacionamento de 5 anos, e estavam casados há 4 meses, quando ela repentinamente pediu o divórcio.




Logo após o casamento, ambos pediram demissão do trabalho pra que Amon perseguisse seu sonho de ter um negócio próprio. Por conta das decisões administrativas desse negócio, os dois começaram a brigar, e Neha decidiu viajar sozinha pra Delhi. Após retornar, imediatamente pediu o divórcio.


"Quando Amon disse que queria ir com ela, Neha não quis que ele fosse", disse a irmã do falecido, Barkha P.; o modo pelo qual ele se matou não foi revelado, mas após ele anunciar que iria se matar, ela disse que iria gravar, e começou a fazer o vídeo com seu celular.


O homem, de fato, se matou enquanto ela gravava tudo. Quando a polícia foi interrogá-la, ela disse que achou que ele não fosse se matar de verdade. Segundo ela, ele já tinha feito ameaças do gênero no passado, e achou que fosse mais uma ameaça vazia. 


Ela avisou a família do homem sobre o ocorrido, e eles foram imediatamente pra lá. Eles relatam que quando chegaram ela estava muito calma. A polícia confiscou o celular, a fichou e ela será acusada por omissão de socorro.