Tecnologia do Blogger.

Empresa responsável por trens pede desculpas por maquinista 'opressor' que disse "bom dia, senhoras e senhores"


Um passageiro chamado Lawrence estava em um trem da London North Eastern Railway (LNER) quando ouviu uma frase absurda sair dos alto-falantes. Uma frase terrível, que é difícil até de escrevê-la aqui, de tão maligna que é. Lá vai: "bom dia, senhoras e senhores".




Ao ouvir a frase maligna, Lawrence ficou chocado, afinal, o maquinista que a disse estava na cara dura excluindo todas as pessoas 'não-binárias'. Por isso, Lawrence fez o que qualquer pessoa faz nessas situações: reclamou no Twitter.

 


Após a reclamação, o perfil da empresa pediu desculpas, e disse que seus maquinistas não devem usar "esse tipo de linguagem". Outro homem que se diz 'não-binário' estava com Lawrence no momento, e diz que ambos estão "desconfortáveis e alarmados" com o ocorrido.

 


Por outro lado, a empresa garantiu que o maquinista não sofrerá nenhuma punição. "Fazemos o nosso melhor pra acomodar a todos, mas não vamos nos virar do avesso, essa é a diferença", disse um porta-voz da empresa.


Fonte: Daily Star